terça-feira, 31 de julho de 2012

É MAIS IMPORTANTE NÃO DESISTIR DO QUE VENCER

Outro dia me perguntaram ...Qual é o objetivo de um projeto como o Emcena Brasil ?

Na verdade começa pela necessidade de se criar de fato uma política cultural de caráter inclusivo e inexistente na maioria dos municípios brasileiros , fomentar a cultura brasileira como meta e como identidade de uma nação , sem a qual um país deixa de existir como tal.

Aprendi quando muito jovem lá pela década de 70 à 80, ao participar de manifestações estudantis e  vez por outra aparecia  um grito de guerra ritmado e divertido: “É Branca, É Branca…Leon, Leon, Leon…” E como adorava teatro e  cinema, um belo dia entendi de onde vinham aqueles  gritos , era da  comédia "O Incrível Exercito de Brancaleone" e do nome de Leon Trotsky, inspirador da Organização Socialista Internacionalista, grupo político que fundou e dirigia a tendencia estudantil Liberdade e Luta.
Era uma reprodução de um coro que marcava várias cenas do filme, quando os protagonistas venciam batalhas dadas como perdidas e  assim alguns líderes  gritavam pelas assembléias estudantis e pelas  ruas  “É Branca, É Branca, Leon, Leon, Leon…”


O filme Incrivel Exército de Brancaleone reune um conjunto de maltrapilhos da Idade Média, solidários, infelizes e sem futuro. Eles atravessam cidades destruídas pela peste, enfrentam o frio e a fome, perseguem sonhos e miragens — mas seguem fiéis a si mesmos e a seu modo de vida, com aventuras e risco. Não perdem o humor nem a capacidade de auto-ironia. Sabem que em algumas situações é mais importante não desistir do que vencer.

O filme não tem herois e sorri com simpatia piedosa para quem se candidata a enfrentar de peito aberto as agruras do tempo e assim a ficção mostra o caminho,
Temos exemplos históricos no Brasil como  a Coluna Prestes e na América do Sul como o de Ernesto Che Guevara, entre outros  .

E como ele mesmo dizia “HAY QUE ENDURECER PERO SIN PERDER LA TERNURA JAMAS"

Entendo que  por mais cruéis que sejam os percausos do caminho que escolhemos, devemos nos  manter unidos e firmes em nossos princípios, ser forte, duro,  mas, não perder a ternura, a poesia, a maturidade adquirida com a experiência de quem acredita no que está fazendo e não se transformar num monstro cruel...ou simplesmente esmorecer diante das dificuldades. E nunca usar as mesmas armas que usam para manipular e se locupletar de uma falsa cultura instalada pela conjuntura de massa ...A inteligência é seu maior trunfo ...Se valer de lixo cultural é crueldade com os mais simples e crueldade pela crueldade...Jamais!

Assim como estes exemplos de atitude e até que isso faça parte da natureza de uma geração onde o tempo perpetuará a obra transformando sonhos em realidade e todos possam usufruir de forma igualitária dos avanços tecnológicos e principalmente o acesso aos bens culturais vamos marchar com nosso exercito na tentativa de superar com poesia e com sacrifício e  determinação as "pedras no meio do caminho".

Conscientizar não é manipular, Democratizar não é uniformizar e educar não é padronizar mas sim inspirar as novas gerações para que produzam um novo tempo solidário e mais humano...Por isso sem a pretensão de sermos  heróis mas cumprindo o nosso papel gritamos juntos :
 " Emcena Brasil - Um Show de Cultura pertinho de você"

2 comentários:

  1. Nossa que legal! Essa História do braca branca leon leon ... eu não conhecia.

    ResponderExcluir